Texto: Guilherme Ritsu | Foto: clubZY

 

O stylish wave, um dos eventos mais tradicionais da cena Visual Kei, acontece em todos as estações, levando para todos os cantos do Japão não somente bandas já consagradas na cena, mas também grandes novidades que os fãs não podem perder de vista.

Em sua última edição de inverno, os fãs de Nagoya foram presenteados com um show em plena véspera de natal, e mais uma vez a equipe do LIVE JAPAN MUSIC esteve presente para prestigiar e trazer para vocês o que aconteceu nessa véspera de Natal tão especial.

Como de costume a casa estava lotada e, apesar do frio que fazia lá fora, muitas fãs estavam vestidas de Mamãe Noel, usando minissaias, esperando para verem seus artistas favoritos. A tensão se elevava a cada segundo, até as luzes se apagarem e as cortinas se abrirem para a primeira banda.

 

CANIVAL

A banda vinda da região de Shikoku foi escolhida para a abertura da turnê dessa vez. Sob o som de palmas, os quatro integrantes, Shiki, kosukë, Haruya e Luvia adentraram o palco. Por se tratar de uma banda nova, grande parte da plateia a viu pela primeira vez, mas logo na primeira música a CANIVAL mostrou suas cores. 毒ロマンス (Doku Romance) trouxe riffs agressivos e fez com que os fãs corressem de um lado para o outro em um mosh animado, porém a voz de Shiki se manteve sempre melódica, mostrando sua verdadeira beleza no refrão. Essas seriam as melhores palavras para descrever a performance de CANIVAL: agressivo e melódico. Outro contraste notável era o guitarrista Haruya, que apesar da aparência feminina e “bonitinha”, o tempo todo batia sua cabeça com violência, girando sua guitarra e mostrando como se toma um palco por completo. Na terceira canção, クソガキ、ツキニナク。(KUSO GAKI, TSUKI NI NAKU.), Shiki chegou até a ponta do palco para a agradecer seus animados fãs com um “Obrigado Nagoya!”. Como encerramento, todos giravam suas cabeças, formando um círculo no ar. Apesar de terem sido apenas três músicas, o show do CANIVAL foi intenso e divertido, deixando uma forte impressão e expectativa para o futuro da banda.

 

Setlist

  1. 毒ロマンス (Doku Romance)
  2. 侮蔑します。 (Bubetsu Shimasu.)
  3. クソガキ、ツキニナク。(KUSO GAKI TSUKI NI NAKU)

 

Axkey

A segunda banda do dia era Axkey, que na edição de primavera havia sido escolhida como banda de abertura. Assim como na primeira vez que os vimos, o Axkey nos mostrou um som pop-rock eletrônico, divertido e contagiante. A banda recentemente anunciou que encerrará suas atividades em Março de 2018, e por isso essa seria a última vez que estariam tocando no stylish wave. O baixista X parecia um pouco tímido, sempre tocando sobre o suporte da bateria de Hayate. Enquanto os fãs pulavam e dançavam animados, o guitarrista Ast desceu do palco, ficando entre a grade que separava o público, levando-o à loucura. O vocalista Yuuki comentou que restam apenas doze shows antes da banda chegar ao fim, pedindo que o público desse tudo de si. Em スターマイン (Star Mine), ele desceu do palco e foi para a pista junto ao público para atentá-lo e fazer a plateia se animar ainda mais. A canção D.I.D trazia um som mais pesado do que o comum para a banda, porém ainda repleta de samples eletrônicas. O guitarrista Kent batia sua cabeça de um lado para o outro, e logo depois todos os membros foram para a frente do palco em sincronia. Yuuki então comentou que aquele dia não era somente véspera de natal, mas também seu aniversário. A plateia em coro parabenizou o vocalista que, emocionado, disse que aquele momento era muito especial, pois seria a última vez que ele ouviria tantas pessoas celebrarem seu aniversário. Após a celebração, o show continuou com vigor total, com os fãs mostrando muita união em suas coreografias sincronizadas, e toda sua força enquanto socavam o ar. Após fazer a plateia do stylish wave dançar animadamente, agradecendo com grandes sorrisos nos rostos, os membros do Axkey então deixaram o palco.


Setlist

1.【NEEDLESS】

  1. ファンタジア (Fantasia)
  2. スターマイン (Star Mine)
  3. D.I.D
  4. Dispect

 

Minus Jinsei Orchestra

Com vestimentas que retratam seu estilo esquisito e divertido, a Minus Jinsei Orchestra tomou o palco sob a euforia dos fãs que portavam leques coloridos. Segurando um taco de baseball ensanguentado, o vocalista HaL atiçava a plateia: “Vocês tão ligados né?! Vamos lá Nagoya! Não fiquem parados!”. A banda e suas canções eram divertidamente loucas e faziam os fãs girarem e correrem uns contra os outros, numa verdadeira e divertida bagunça. Durante バリバリバリア (Bari Bari Baria) os membros fizeram poses engraçadas com as mãos na cabeça, e HaL novamente provocou as fãs: “Balancem os seus peitões! Foi pra isso que vocês vestiram essas roupas de Mamãe Noel, não foi?”. Apesar do conceito engraçado, a técnica da banda é impressionante, com vocais belos e melódicos e uma grande versatilidade musical. Durante a última música, HaL portava uma batuta como um maestro. O guitarrista Yukke foi ao centro do palco para seu belo solo final, encerrando a excelente e apresentação do Minus Jinsei Orchestra.

 

Setlist
1. 日本劣等!謝罪回収の旅!~断罪!平成の20面相現る!~ (Nihon Rettou! Shazai Kaishu no Tabi! ~Danzai! Heisei no 20 mensou utsuru!~)

  1. 凡才テレビくん (Banzai Devil Kun)
  2. バリバリバリア (Bari Bari Baria)
  3. スプーン曲げの少年 (Spoon mage no Shonen)
  4. ゴスロリを脱いでも (Goth Loli wo Nuidemo)

 

ZigZag

Com a temática de “uma nova religião”, porém com letras cômicas que fazem referência ao universo do Visual Kei, o ZigZag tem chamado grande atenção dos fãs de Visual Kei atualmente. Sob grande expectativa da plateia, as cortinas se abriram revelando bandeiras com o emblema da banda em cada canto do palco; e ao centro o vocalista, que vestia trajes parecidos com os de um monge e longos cabelos que cobriam-lhe a maior parte do rosto, sussurrou ao microfone: “Façam suas preces…”. Nesse dia, o guitarrista Zin não estava presente por problemas de saúde, e por isso apenas o vocalista Mikako e o baixista Aoshi se apresentavam como uma dupla. Porém, os dois foram suficientes para tomar conta do palco e comandar o público, que batia a cabeça com fúria. Aoshi dançava, saltitava e girava pelo palco. Em um momento da apresentação o vocalista Mikako dramaticamente se jogou no chão e questionou a plateia: “O que é Natal…? O que é Papai Noel…?”. Ao se levantar, arrancou um coro de risadas do público, pois em seu rosto havia surgido uma grande e branca barba de Papai Noel. “Eu sou o Papai Noel! Feliz Natal!”. Assumindo seu papel de Papai Noel ele então questionou os fãs: “O que vocês querem de presente? Ah, eu sei o que vocês querem. Um namorado!”. Durante todo o tempo da próxima canção, 繋がりたい (Tsunagaritai), ele cantou e fez os fãs repetirem “Eu quero um namorado!!” em coro. Aoshi desceu para a pista e fez todos os fãs se sentarem e baterem palma. “Então eu serei o seu namorado”, provocou Mikako.

Na divertida 狙い投げ (Nerai Nage), que fala sobre os sentimentos de felicidade de uma fã quando o seu artista predileto arremessa algo para ela do palco, Aoshi deixou o seu baixo de lado e trouxe uma sacola de presentes de Papai Noel, arremessando então balas e doces para o público. ZigZag certamente tornou a véspera de Natal não só de seus fãs, mas também daqueles que os viam pela primeira vez, muito especial.


Setlist

  1. 祈り (Inori)
  2. トチ狂ってる (Tochi Kutteru)
  3. 繋がりたい – 彼氏欲しいver (Tsunagaritai – Kareshii Hoshii version)
  4. 狙い投げ (Nerai Nage)
  5. 悪霊退散 (Akuryou Taisan)

 

Neverland

Assim como seu nome remete, o show do Neverland começou com sons que remetiam a um conto de fadas, fazendo com que a plateia imergisse em seu universo enquanto os membros adentravam o palco. Porém, logo quebrando o clima de contos de fada, a faixa DEADMAN fez com que os fãs socassem o ar com fúria. O vocalista Ryota cantava com agressividade, enquanto o guitarrista Kazuki tocava sempre sorridente. Chegando ao clímax de sua euforia, Ryota chegou a arrancar e arremessar o apoio de pé que se encontrava na frente do palco, enquanto o público não parava de fazer headbanging nem mesmo durante o refrão de SORROW GHOST. Contrastando com a agressividade das primeiras canções, a banda apresentou também ココロアンブレラ (Kokoro Umbrella), que com sons bonitinhos e agradáveis de se ouvir trouxeram novas cores para o stylish wave. Era impressionante como a banda conseguia fluir do agressivo para o alegre com facilidade, e como seu público acompanhava as mudanças com maestria. “Vocês não precisam de um namorado, pois vocês têm a mim” comentou Ryota, em referência a apresentação do ZigZag, arrancando suspiro das fãs mais apaixonadas. Seguindo o clima natalino, ele então disse: “Esse é o meu presente de Natal para vocês”, e a banda iniciou a emocionante balada Merry go Land, grande favorita dos fãs, que ouviram atentamente. Os instrumentos perfeitamente alinhados com a profunda voz de Ryota eram capazes de emocionar e trazer as lágrimas até de quem não entendesse a linda letra da canção. Ao som de calorosas palmas, as cortinas se fecharam.


Setlist

  1. DeadMAN
  2. SORROW GHOST
  3. 666Hz
  4. ココロアンブレラ
  5. Merry go land

 

Vexent

Vexent é mais uma da nova safra de bandas que tem ganhado atenção do público e crescido cada vez mais. No show dessa noite eles mostraram o motivo desse sucesso. Com palavras sussurradas e instrumental pesado misturado com sons eletrônicos, WELCOME TO THE DARKNESS deu boas vindas ao público. Os fãs de Vexent demonstravam ser os mais animados da noite, os que se encontravam na grade batiam suas cabeças e moviam seus corpos para frente e para trás com tanta força que influenciavam a pista a enlouquecer cada vez mais. O vocalista Mako, ainda não satisfeito, foi para cada lado do palco, provocando o público a gritar cada vez mais. As músicas da banda trouxeram o lado mais agressivo do Visual Kei, e logo o Nagoya ell se tornou um mar de cabeças se debatendo. O novo single #CARRY também não ficou de fora da setlist, e seu refrão chiclete parecia grudar na mente, logo nos fazendo compreender o motivo do sucesso da banda. Após agitar do início ao fim, os integrantes do Vexent deixaram o palco parecendo satisfeitos com o resultado da apresentação, anunciando: “Nagoya, nós retornaremos!”


Setlist

  1. WELCOME TO THE DARKNESS
  2. Stupid pain
  3. Dystopia
  4. ♯CARRY
  5. 哀なんて青春 (Ai nante Seishun)

 

Amai Bouryoku

Amai Bouryoku foi a banda escolhida para fechar o último stylish wave do ano em Nagoya. A apresentação se iniciou com o vocalista Saki lamentando: “Eu acho o Natal muito triste”. A segunda canção trazia um ritmo parecido com uma marcha de Halloween, intercalando com riffs pesados de guitarra. O headbang dos fãs e da banda era surpreendentemente sincronizado.

Os integrantes então descerem para a plateia, distribuindo máscaras e pedindo para que os fãs as colocassem. De repente, o vocalista anunciou: “Agora nós vamos nos beijar, então tirem a máscara. Menos você, fã homem. Você continua com ela”, iniciando a música ちゅーしたい (Chu shitai), que literalmente significa “eu quero te beijar”. Durante a canção, os integrantes fazem uma dança sincronizada enquanto tocam seus instrumentos, balançando suas pernas de um lado para o outro. A apresentação do Amai Bouryoku era exatamente como seu nome insinuava, doce e violenta. Misturando momentos cômicos com partes agressivas e cativantes, a banda não deixou nenhum dos presentes parados.

“Quem vai passar o natal sozinho levanta a mão!” pediu o vocalista, não parecendo surpreso ao ver que mais de 90% do público levantou a mão. O show seguiu, com a plateia dançando e se movendo por todos os cantos da pista. O baterista Kei tocou sempre com um largo sorriso em seu rosto, parecendo realmente estar se divertindo durante a apresentação. Após levar os fãs a exaustão de tanto dançar, pular e bater suas cabeças, o Amai Bouryoku deixou o palco, encerrando o incrível stylish wave de inverno. Mas se você pensa que o público não queria mais, está muito enganado. Misturando-se ao som das palmas, muitas vozes pediam por bis, e só deixaram de soar quando uma voz no microfone anunciou que o evento estava se encerrando.


Setlist
1. 都合のいい女 (Tsuugo no ii Onna)

  1. 首締めマアチ (Kubishime no March)
  2. ちゅーしたい (Chu shitai)
  3. 前戯 (Zengi)
  4. うるせえ黙れ (Urusee Damare)
  5. 現実逃避癖 (Genjitsu Touhi)
  6. ヒス症 (Hisu Shou)


O stylish wave todos os anos agita a cena Visual Kei, e em 2017 não poderia ter sido diferente, com shows que esquentaram a fria noite de inverno em Nagoya. Quais bandas estarão na line-up em 2018? Que surpresas aguardam os fãs de Visual Kei? Não tirem seus olhos do LIVE JAPAN MUSIC!
Agradecimento especial ao ClubZy e a Hoshiko Seiichi pelo convite e por sempre tratarem a equipe do LIVE JAPAN MUSIC com carinho.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva o seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui